HOMENAGEM


Homenagem



Aos quatro ou
cinco anos, eu era uma garotinha que já gostava de fazer versos. Parece que eu
encerrava as minhas “apresentações” sempre com a mesma frase: bonecas no meu
coração. Tudo a ver com a minha paixão do momento...
Ao longo de
minha vida ouvi meu pai repetir esta estória. Aliás, sempre com muita alegria e
orgulho da “precocidade” da primogênita.
Por isso, o
título do blog é uma homenagem a meu pai, Humberto Narbot.

sábado, 8 de fevereiro de 2014

AMOR E TERNURA

 
 



Quando sentires uma tristeza infinda

Em teu frágil coração

De humana criatura,

Pensa em mim

E deixa que eu te leve

Meus doces sonhos

De amor e de ternura.

 

Quando ouvires

Talvez na voz do vento,

Num sopro, um toque de amargura,

Pensa em mim

E deixa que eu te leve

Pelos meus lábios

Sons de amor e de ternura.

 

Quando não puderes

Mais ver o sol da Vida,

E em ti sentires

Um misto de ódio e de loucura,

Pensa em mim

E deixa que eu te leve

No meu olhar

A luz de amor e de ternura.

 

Se tu sentires, um dia,

Estar sozinho,

E que ninguém no mundo te procura,

Pensa em mim

E deixa que eu te leve

Minha presença

De amor e de ternura.

 

Se tu sentires que tua vida está vazia

E que dentro de ti cada vitória

Tem o sabor amargo da tortura,

Pensa em mim

E deixa que eu te leve

Meu coração

Com meu amor, minha ternura.

 

10 comentários:

  1. Que lindo poema Lu!! Carregado de carinho, amor e ternura. Gostoso de ler e tem a sonoridade de uma música "leve e doce". Um abraço, querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A adolescente que ainda mora em mim agradece, Alice Alba.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Que bom que você pense assim, Rachel. Obrigada.

      Excluir
  3. Felizes daqueles que conseguem guardar em cada ruga, em cada marca de vivência, poesias de tempos de meninice, manter aurea e alma de criança, esperança e alegria da adolescência...

    ResponderExcluir
  4. Liz Rabello, tenho certeza que em você mora uma menina feliz e alegre. Obrigada pela leitura e comentário.

    ResponderExcluir

Seu comentário é um importante incentivo e será bem-vindo. Obrigada.